InícioInício  BlogBlog  FAQFAQ  BuscarBuscar  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 [Fanfiction] A Surpresa

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Rosseline
Administradora
Administradora
avatar

Feminino
Mensagens : 1101
Data de inscrição : 15/11/2014

MensagemAssunto: [Fanfiction] A Surpresa   Sex Abr 22, 2016 10:47 am

[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]

A Surpresa


Autora: Mimi Fontana

Juan tinha dito à Mônica, quando lhe escreveu, que os negócios corriam às mil maravilhas.

De fato os negócios correram lindamente, tão bem que conseguiu antecipar dois dias à data prevista para a sua chegada. Juan estava na proa, o sol acabara de nascer e ainda não tinha força para aquecer o ar fresco que deslizava pela sua face. Este dia de sexta-feira estava a começar e Mônica apenas o esperava no domingo, Juan olhou para o sol ainda fraco e pensou no que estaria Mônica a fazer naquele momento. Estava cheio de saudades da sua amada e a imaginava deitada na cama, de rosto sereno e com aquele ar doce que tanto lhe agradava sempre que ficava a olhar para ela quando dormia.

Mas Mônica já estava a pé, tinha decidido no dia anterior ir ao mercado bem cedo, para preparar tudo o que iria necessitar para fazer umas compotas durante essa manhã. Mônica fazia todos os possíveis para manter todo o seu tempo ocupado, essa era a sua forma de combater a saudade. Manter a mente ocupada com todas as tarefas da casa ajudava o tempo a passar. Mas nos últimos dias deu por si a suspirar por Juan mesmo quando estava ocupada, por isso não sabia como iria aguentar mais dois dias sem o seu amado.

A meio da manhã já o Satan entrava no porto e provocava grande alvoroço em todos os que lá estavam ou por lá passavam. Toda a gente conhecia o Satan e correram a saudar Juan e o resto da tripulação. Entre vivas e abraços, Juan tentou passar o mais rápido possível pelo meio do aglomerado de pessoas; sem ser mal-educado e dando especial atenção às crianças, tentou fazer todo o percurso sem parar pois sua mente estava ocupada só com um pensamento, ver o seu amor, a sua vida, Mônica.

Chegou às traseiras da casa e viu Meche tratando da roupa, perguntou por Mônica e esta respondeu: “A senhora está na cozinha fazendo umas compotas.” Juan aproximou-se da porta sem fazer qualquer barulho, espreitou e viu Mônica de costas, estava no fogão mexendo nos tachos. Seu coração acelerou. Pé ante pé aproximou-se em silêncio, colocou as suas mãos na cintura dela e sussurrou no seu ouvido: “Surpresa! Meu amor, minha vida.”

Mônica estremeceu e com o coração batendo forte quase saindo do peito, pelo susto e pela surpresa, olhou para trás, viu os olhos de Juan transbordando de felicidade e disse: “Juan, meu amor.” Virou-se, colocou os braços em volta do seu pescoço e o apertou com toda a força, para ter a certeza que não estava a sonhar. Juan cheirava a sol e a mar, um aroma que deixava Mônica embriagada de amor por ele. Tinha imensas coisas para lhe perguntar sobre a viagem e sobre esse regresso antes do tempo previsto, mas sua mente não conseguia sequer pensar. Apenas assimilava esse aroma tao familiar que acordava a paixão que sentia por ele.

Juan acariciou o rosto dela, olhou seus olhos brilhantes de paixão e sentiu uma onda de prazer subindo pelo seu corpo. Encostou o seu rosto no de Mônica e disse: “Amo-te, adoro-te, quero-te…” e beijou-a de uma forma faminta, arrebatada, apaixonada.

Mônica entrelaçou os dedos no cabelo sedoso de Juan, sentiu o corpo dele endurecer, ficar hirto e farto. Assim que seu corpo tomou consciência da paixão que transbordava de Juan, vibrou de calor e isso fez pulsar o sangue nas veias o que a deixou toda arrepiada.

Mônica afastou o rosto de Juan, olhou direto nos olhos e sorriu, depois falou: “Meu amor, vamos até ao quarto porque Meche pode entrar a qualquer momento.” Desligou tudo o que estava ao lume e Juan anuiu com a cabeça, estava desesperado por possuir sua mulher, sentir que eram um só, unirem suas almas novamente.

Pegou nela ao colo e seguiu sem fazer nenhum esforço pois Mônica era leve como uma pena. Mônica com um braço no pescoço de Juan e outro na maçaneta, abriu a porta do quarto. Entraram e Juan pousou-a, ficaram a olhar um para o outro, agradecendo interiormente a felicidade que sentiam ao reconhecer que eram uns afortunados por vivenciarem um amor tão verdadeiro, único, eterno.

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://coracaoselvagem.forumeiros.com
AnaPaula
Coração Arisco
Coração Arisco
avatar

Feminino
Mensagens : 25
Data de inscrição : 23/12/2015

MensagemAssunto: Re: [Fanfiction] A Surpresa   Dom Maio 01, 2016 10:24 pm

É muito amor! Que linda surpresa!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rosseline
Administradora
Administradora
avatar

Feminino
Mensagens : 1101
Data de inscrição : 15/11/2014

MensagemAssunto: Re: [Fanfiction] A Surpresa   Sab Maio 07, 2016 6:29 pm

Com certeza!!! Amando

_________________
[Você precisa estar registrado e conectado para ver esta imagem.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://coracaoselvagem.forumeiros.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: [Fanfiction] A Surpresa   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[Fanfiction] A Surpresa
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Projetos :: Coração Selvagem [Em progresso]-
Ir para: